google.com, pub-2300500520560310, DIRECT, f08c47fec0942fa0
 
Buscar

Vagnão & qaslu se jogam no drill em ‘Pikadilha Shabba’


Foto por Alexandre Gomes - @alegowes

Vagnão, artista da Zona Leste de São Paulo, sempre teve como inspiração o funk brasileiro, desde o funk consciente ao proibidão e ostentação. Começou sua carreira efetivamente quando encontrou o Drill londrino, apresentado pelo produtor, beatmaker e DJ qaslu, em 2020.

O drill abriu portas para o rapper lançar o single "Pikadilha Shabba" no dia 24 de maio. É uma faixa que retrata a vivência do artista enquanto um jovem preto periférico em busca da autoestima e autoconfiança, características presentes na personalidade do cantor Shabba Ranks, a quem o som faz referência.


Foto por Alexandre Gomes - @alegowes

“Minha inspiração pra compor foram os funks proibidões. A letra fala sobre o conceito que tinha Shabba Ranks e resume um pouco do estilo de vida e o que já vivi, daí encontrei a possibilidade de contar um pouco disso através do drill, estilo que me foi apresentado pelo qaslu, quem ficou responsável pelo beat e pela produção executiva desse visual”, conta Vagnão.


O beat do qaslu teve referência nas cenas de Drill do Reino Unido e de Nova York, especialmente Pop Smoke, um dos artistas que Vagnão mais se identifica. “Produzir essa música foi um desbloqueio na minha carreira que só consegui quando conheci Vagnão. O drill foi o melhor caminho que encontrei e deu match com os ideais dele. Esse trabalho é além de música, envolve contex